Amando Minha La Sardina

1

Os muitos detalhes da nova câmera La Sardina fazem-na especial e uma adição bem-vinda à fantástica linha de câmeras analógicas da Lomography.

A Lomography’s La Sardina é uma câmera muito bonita. Eu amo a minha Marathon e o jeito que a caixa verde-oliva é decorada com impressões que fazem essa simples câmera parecer uma lata de sardinha. Então, eu amo como essa câmera tira fotos? A resposta é um retumbante sim.

Vamos começar com o básico. A La Sardina é uma câmera 35mm com lentes 21mm bastante largas que te dão uma visão de 89 graus do mundo (uau!). A abertura é fixa em f/8, o que é relativamente grande no mundo das toy cameras (a maioria tem f/16 ou maior, fazendo necessário usá-las somente sob luz forte). Ela tem duas velocidades de obturador, bulb e normal (1/100). Eu amo essa característica em câmeras toy e acho quase uma necessidade pelas suas pequenas aberturas. Aqui estão algumas fotos com longa exposição:

Também é possível criar múltiplas exposições com uma troca no seletor.

Tem um contador de poses em cima e uma janela atrás para ver as informações sobre o filme. Esse detalhe muitas vezes negligenciado é gigante, pois em muitas câmeras de plástico é impossível dizer que tipo de filme (ou se algum) está na câmera. Se você é algo como eu, você expôs várias poses do filme à luz direta enquanto abria a traseira da câmera para saber o que estava dentro.

A La Sardina é uma das câmeras mais fáceis de rebobinar. O processo é simples e rápido E o seu filme sempre fica com um pedaço para fora, facilitando fotografar duas vezes no mesmo rolo com seus amigos fotógrafos favoritos. Também incluído no corpo da câmera está uma conexão para cabo de liberação, encaixe para tripé e a possibilidade de encaixar um flash externo.

Agora, chega de estética! Como ela tira fotos? Eu descobri que, como muitas câmeras de lente grande-angular, quão mais perto eu estiver do meu assunto, melhor. Aqui estão algumas fotos de longe:

E de perto:

Sendo o foco mais próximo 60 cm, você pode ficar bem perto da ação e conseguir umas ótimas fotos, mas apenas se você lembrar de ajustar o foco em seu modo apropriado. A única desvantagem da La Sardina é seu sistema de foco de duas etapas. Há três distâncias para escolher: 60 cm, 1 m e infinito. É importante que você ajuste corretamente a distância senão seu assunto vai ficar fora de foco. Eu descobri isso do jeito difícil, como você pode ver nessas fotos:

Com outras câmeras ajustar a distância focal é irrelevante. Na verdade eu nem ligo pra isso quando estou usando minha Holga. Eu terei que brincar com a minha La Sardina mais um pouco antes de entender seu foco, mas está tudo bem. As outras características dessa câmera fazem-na uma adição estelar à linha Lomography.

escrito por ipdegirl no dia 2011-10-28 em #revisão #resenha #35mm #ipdegirl #lsi #camera #la-sardina #preto-e-branco #cor #marathon
traduzido por gmartinez

Um Comentário

  1. igle
    igle ·

    Eu comprei uma e não vejo a hora de t\~e-la em minhas mãos para testa-la. As dicas foram muito bem vindas. Valeu!

Mais Artigos Interessantes

  • A Rota da Alegria: Uma Entrevista com o Fotógrafo de Viajens Réhahn

    written by K. Aquino on 2015-07-24 in #people
    A Rota da Alegria: Uma Entrevista com o Fotógrafo de Viajens Réhahn

    "Dep qua!" exclama Réhan numa conversa em vietnamita. Ao elogiarem a beleza da sua foto os nativos riem, e o fotógrafo, uma vez mais, saca câmera, que é por estas bandas tão bem-vinda quanto uma colheita abundante .

    2
  • Si Mesma para o Mundo: A Fotografia de Leanne Surfleet

    written by lomographymagazine on 2015-11-24 in #people #lifestyle
    Si Mesma para o Mundo: A Fotografia de Leanne Surfleet

    Um autorretrato pode se enraizar em segurança, extrema timidez ou uma explosão alternativa dos dois. Leanne Surfleet passa por essa flutuação quando a câmera é tudo que da pra se ver. A atracão —o que nos diz a respeito— é uma mistura de incerteza e tipo de postura calma. E de vez em quando um pedaço de pele que é mais um mistério do que uma revelação completa. Até os retratos que Sufleet faz de outras pessoas tem o mesmo convite sussurrado, como se fosse para dizer que perguntas são bem-vindas. Daí nós tomamos a nossa sugestão.

  • As Visões de Klara Johanna Michel capturadas com a Lomo'Instant Wide

    written by lomographymagazine on 2016-01-11 in #people #lomoamigos
    As Visões de Klara Johanna Michel capturadas com a Lomo'Instant Wide

    Influenciada pelo trabalho de Caravaggio, a fotógrafa de Berlin Klara Johanna Michel pinta fotos à mão, que fazem lembrar a arte da Renascença. As imagens são altamente estilizadas e os sujeitos posam para imitar a aparência de seres religiosos. Quem diria que tanto mistério e um charme de um mundo antigo poderiam ser realizados com a ajuda de uma câmera instantânea?

  • Apresentando A Nova Lomo'Instant Kyoto Edition!

    written by shhquiet on 2015-08-10 in #gear #news
    Apresentando A Nova Lomo'Instant Kyoto Edition!

    A nova Lomo’Instant Kyoto Edition é a mais recente novidade na nossa criativa gama de fotografia instântante! Com seu padrão floral e tons de pêssego, essa câmera de edição especial é como uma reminiscência dos belos pores do sol de verão em Quioto, uma cidade adorada por seus pitorescos santuários, templos e paisagens naturais.

  • Histórias de viagem da Vicuna | Burkina Faso: A terra das pessoas honestas

    written by vicuna on 2015-09-30 in #world #lifestyle
    Histórias de viagem da Vicuna | Burkina Faso: A terra das pessoas honestas

    Quando me perguntam por que eu amo tanto Burkina Faso e o que tem de tão especial, eu respondo sem hesitação: o povo. Tem alguma coisa nesse país que conecta o povo de uma maneira bem forte. Aqui, visitantes de longe são muito bem vindos. E honestamente, eu acho que os retratos que me orgulharam mais e os que eu mais amo, são aqueles feitos em Burkina Faso. "Por quê," você pergunta?

  • Simeon Smith filma com a LomoKino

    written by hannah_brown on 2015-10-01 in #people #lomoamigos #videos
    Simeon Smith filma com a LomoKino

    Alguns meses atrás, Simeon Smith gravou todos os blips, zumbidos, e barulhinhos que câmeras analógicas fazem. Depois ele usou esses barulhos para criar ritmos e texturas pra música dele. Desde então, ele se aventurou em outros projetos e pouco tempo atrás, ele fez um clipe de música usando a LomoKino e uma ActionSampler.

  • LomoAmigo Obi Blanche Testa a LC-A 120

    written by zonderbar on 2015-07-31 in #people #news #lifestyle #lomoamigos
    LomoAmigo Obi Blanche Testa a LC-A 120

    Em 2013, o músico Obi Blanche se tornou um apaixonado Lomógrafo e entusiasta de fotografia. Desde então, ele se tem demonstrado sempre ansioso para testar as mais recentes adições à lista de câmeras Lomography e, uma câmera muito especial, chamou a sua atenção: a LC- A 120 .

  • Conheca a nossa LomoGuru: roxyvonschlotterstein

    written by lomography on 2015-11-10 in #world #lifestyle
    Conheca a nossa LomoGuru: roxyvonschlotterstein

    Uma paixão profunda se enraizou na sua infância, fotografia serve como uma forma de meditação e um escape criativo para a membro da comunidade na Alemanha roxyvonschlotterstein. Fora uma LomoHome bem ativa, ela se esforça para participar de projetos fotográficos e atividades com seus companheiros lomográficos alemães. Nessa entrevista, ela compartilha mais sobre suas experiencias memoráveis na comunidade, pensamentos sobre fotografar com filme, e um pouquinho sobre o seu nome da LomoHome.

  • O Mundo de Acordo com Herr Willie: Brasília

    written by wil6ka on 2015-07-14 in #world #locations
    O Mundo de Acordo com Herr Willie: Brasília

    É uma utopia moderna, única no mundo: Brasília. A capital desse maravilhoso Brasil é o sonho de qualquer aficionado por arquitetura, a obra prima de Oscar Niemeyer. O arquiteto que criou a ilusão de uma vida melhor e que levou Brasília a ser declarada a Patrimônio Mundial da UNESCO em 1987. Isso é uma homenagem a linhas, curvas e ousadia.

  • Competição 175 Anos de Legado Petzval

    written by Eunice Abique on 2015-08-24 in #world #news #competitions
    Competição 175 Anos de Legado Petzval

    Não perca essa oportunidade única de ganhar uma Nova Lente Artística Petzval 58 Controle de Bokeh e vouchers para a Loja Online. Além disso, as fotos vencedoras serão expostas em uma exposição especial para comemorar o 175 aniversário da Lente Petzval.

  • Blue for Hue: Visão de Dia e Noite com o Filme Kono! Donau

    written by Lomography on 2015-10-22 in #gear #news
    Blue for Hue: Visão de Dia e Noite com o Filme Kono! Donau

    Nem todas as fotos foram feitas para ser vistas em cores vibrantes e saturadas, e nem sempre elas são feitas para o preto e branco. A Lomografia dá as boas-vindas para um novo filme da KONO! O filme reanimado. Sem diminuir o valor estético das imagens, o filme KONO! Donau 35mm lança um tom azul distinto para as fotos. É um filme de ultra-baixo ISO que se usa principalmente para longas exposições. Dê uma olhada nessa seleção colorida de imagens.

  • Cinematógrafo Michal Dabal sobre a Lente Petzval

    written by lomographymagazine on 2016-01-11 in #people #lifestyle #videos
    Cinematógrafo Michal Dabal sobre a Lente Petzval

    Aqui está o que acontece antes de nós entrevistarmos um fotógrafo. Nós falamos sobre o seu trabalho, mesmo que temos que saber quais câmeras e processos estão por trás da brilhante composição ou da arquitetura de luz. E mesmo quando eles não usaram uma câmera da Lomo, nós os apresentamos de qualquer jeito. Mas de vez em quando, chega um profissional que usa uma das nossas lentes inéditas no trabalho e as nossas câmeras divertidas fora do trabalho. Isso nos deixa muito feliz, ainda mais quando as suas imagens são boas e merecem ser compartilhadas. Nos contamos o trabalho do cinematógrafo Michal Dabal entre um desses.