Memórias de Inverno: Reykjavik

Vivo em Reykjavik há cinco anos. Já vi tempestades, nevões, e todo o género de tempo aqui. Os invernos geralmente são amenos mas tempestuosos e neve não é um visitante pouco frequente. Surpreendentemente, este ano o inverno está a ser bastante diferente.

Reykjavik tem 120,000 habitantes. O lindo centro da cidade está cheio de pequenas casinhas coloridas, cafés aconchegantes, galerias e livrarias. Muitas vezes eu compro um café, pego na minha camera e vou passear pelo coração da cidade.

A última paragem é geralmente Tjörnin (o Lago) – um pequeno lago situado ao lado da Prefeitura de Reykjavik.

Famílias com crianças muitas vezes vêm a Tjörnin para ver e alimentar os patos, gaivotas, cisnes, e outras aves que vivem aqui. Durante o inverno, água quente geotermal é deitada para cima do lago, descongelando-o para os pássaros de água.

Esta é uma página onde pode ver Tjörnin em direto. O meu marido e eu adoramos o oceano e os barcos, e esta é a razão porque visitamos o porto de Reykjavik frequentemente. Está vazio durante o inverno, mas é muito mais bonito sem a multidão.

Em janeiro, visitamos o vale de Elliðaárdalur. Esta foi a primeira vez que o vi coberto de neve. Há lá uma pequena cascata e no verão passado, fiz a promessa de a visitar durante o inverno.

O dia mais bonito e memorável de inverno foi no final de janeiro. Acordamos cedo e percebemos que tinha nevado muito enquanto dormíamos. Nunca tinha visto nada igual. Assim que o sol nasceu, fomos ao jardim botânico de Reykjavik para capturar a fantástica beleza da natureza.

Agora a neve desapareceu. Parece que estamos na primavera. Mas eu sei que os invernos são longos aqui na Islândia e vai nevar de novo no final deste mês. As minhas cameras e filmes esperam pacientemente, nas suas prateleiras, por este lindo milagre branco.

written by lighthouse_keeperess on 2012-03-04 in #world #locations #dezembro #janeiro #101 #cidade #neve #islandia #branco #frio #aventuras-urbanas
translated by paper_doll

More Interesting Articles