Um Controle Mínimo Pode Resultar em Grandes Duplas Exposições

A imposição de algum grau de controle pode aumentar a probabilidade de que suas duplas vão sair boas.

Credits: renenob

Dupla exposição é uma das técnicas mais comuns que lomógrafos experimentam. A idéia de duas imagens de dois lugares, a partir de dois pontos diferentes no tempo, em um único quadro é verdadeiramente fascinante, especialmente se as imagens parecem se complementar ou se relacionam entre si de uma forma acidental. No entanto, se depender completamente de julgamento sorte, e erro, as chances de alcançar grandes duplas tornam-se menos prováveis. Então, se você me perguntar, eu acho que a imposição de um controle mínimo em termos de alinhamento dos quadros e escolher o que fotografar aumenta essa probabilidade.

Alinhando Frames

Alinhar os quadros não é um problema para as câmeras que têm um interruptor de Exposição Múltipla, como a LC-A+, Fisheye, e La Sardina, o que você pretende usar. No entanto, se você pretende fotografar um rolo inteiro, retroceder e carregá-lo para outra câmera (como o que fazemos na troca de filme), em seguida, pode marcar os dois primeiros quadros com um marcador permanente para serem usadas como guia quando você carregá-lo para outro câmara. Isso pode garantir que os quadros serão de alguma forma alinhados. De, outros cursos, na verdade preferem que os quadros estejam desalinhados para resultados mais bizarros, mas quanto a minha experiência, quadros desalinhados são muito difíceis de escanear nos laboratórios, às vezes, podem recortar as fotos de um jeito que você não gostaria que fosse.

Escolhendo Temas para Fotografar

Outra forma de controle seria em termos do que fotografar. Isto é apenas baseado na minha experiência em fazer duplas, bem como para apreciar duplas dos outros. E notado que, para a maior parte de boas duplas são aquelas que demonstram o primeiro plano de base / princípio de fundo. Quando eu tiro dois primeiros planos ou dois de fundo, eles normalmente não funcionam. A imposição de algum controle nas suas escolhas, pelo menos para uma das duas camadas de imagens, pode aumentar a possibilidade de conseguir bons duplas. Aqui estão algumas sugestões de fundo para você experimentar:

Formações de nuvens são grandes temas de fundo de duplas, especialmente uma vez que são um pouco escuras e mostram alguns forros de prata.

Credits: renenob & stitch

Árvores, ramos e as folhas também são grandes.

Credits: renenob

Flores, especialmente quando há um monte delas.

Credits: renenob

Paredes escuras, coloridas ou com texturas funcionam bem também.

Credits: renenob

Sombras ou áreas sombreadas (verifiquem se há espaço suficiente para uma outra imagem).

Credits: renenob

Textos luminosos e coloridos sobre um fundo escuro são uma alegria também.

Credits: renenob

Light paintings, iluminação gerada do computador ou apresentações de slides coloridos para imitações de um Revolog.

Credits: icuresick & renenob

Padrões coloridos escuros e texturas.

Credits: renenob

Guarda-chuvas debaixo do sol são incríveis também.

Credits: icuresick & renenob

As silhuetas são uma obrigação.

Credits: renenob

Existem outras maneiras de melhorar sua técnica de duplas, mas se você tentar qualquer um desses fundos propostos e emparelhá-los com primeiros planos distinguíveis, metade da batalha estará quase ganha.

escrito por renenob no dia 2012-07-01 em #equipamento #tipster #camera #mx #tipsters #duplas #multiplas #exposicoes #tipster #camadas #lomography
traduzido por kassiorawr

Mais Artigos Interessantes

  • Blue for Hue: Visão de Dia e Noite com o Filme Kono! Donau

    written by Lomography on 2015-10-22 in #gear #news
    Blue for Hue: Visão de Dia e Noite com o Filme Kono! Donau

    Nem todas as fotos foram feitas para ser vistas em cores vibrantes e saturadas, e nem sempre elas são feitas para o preto e branco. A Lomografia dá as boas-vindas para um novo filme da KONO! O filme reanimado. Sem diminuir o valor estético das imagens, o filme KONO! Donau 35mm lança um tom azul distinto para as fotos. É um filme de ultra-baixo ISO que se usa principalmente para longas exposições. Dê uma olhada nessa seleção colorida de imagens.

  • Jason D. Page e a Magia de Desenhar com Luz

    written by bgaluppo on 2015-07-09 in #people #lifestyle
    Jason D. Page e a Magia de Desenhar com Luz

    Tendo descoberto Light Painting (Desenho com Luz) por mero acaso, Jason D Page é considerado hoje em dia um mestre nessa matéria. Ele é pioneiro em diversas técnicas de Light Painting e o seu trabalho foi exposto em diversas exposições e galerias pelo mundo inteiro. Ele é um artista apaixonado e creativo e também o fundador da Light Painting Brushes (Pincéis de Desenho de Luz) e LightPaintingPhotography.com - um website dedicado a tudo o que envolve Light Painting!

  • Longas Exposições pela Europa com a Minitar-1 Art Lens

    written by antoniocastello on 2015-12-10 in #gear #lifestyle #locations #reviews
    Longas Exposições pela Europa com a Minitar-1 Art Lens

    Uma das coisas que eu mais gosto na Minitar-1 Art é como nítido o foco pode ser quando você tira fotos com uma pequena abertura. Se você gosta de fotografar a noite, pega um tripé, adicione isso a uma tarde escura de inverno e você vai acabar com um monte de exposições lindas. Foi isso que eu fiz na minha última viajem à Europa.

  • Lomo'Instant Light Painting LomoAmigo: Ian Hobson

    written by hannah_brown on 2015-08-21 in #people #lifestyle #lomoamigos
    Lomo'Instant Light Painting LomoAmigo: Ian Hobson

    Ian Hobson é um fotógrafo do Reino Unido especializado em light painting (pintura de luz). Recentemente, ele testou a Lomo'Instant juntamente com seu Pixelstick - uma dupla imbatível! Aqui estão algumas das suas espetaculares fotos, assim como alguns conselhos sobre light painting e fotografar à noite.

  • Manchas Coloridas: Gráficas Pinhole

    written by lomography on 2015-10-08 in #gear #lifestyle
    Manchas Coloridas: Gráficas Pinhole

    A fotografia pinhole, faz mas do que você pensa. A usuário da câmera se torna o construtor da câmera. E com um grande IQ de câmeras, o fotógrafo pode até atravessar o território da pintura.

  • Cinematógrafo Michal Dabal sobre a Lente Petzval

    written by lomographymagazine on 2016-01-11 in #people #lifestyle #videos
    Cinematógrafo Michal Dabal sobre a Lente Petzval

    Aqui está o que acontece antes de nós entrevistarmos um fotógrafo. Nós falamos sobre o seu trabalho, mesmo que temos que saber quais câmeras e processos estão por trás da brilhante composição ou da arquitetura de luz. E mesmo quando eles não usaram uma câmera da Lomo, nós os apresentamos de qualquer jeito. Mas de vez em quando, chega um profissional que usa uma das nossas lentes inéditas no trabalho e as nossas câmeras divertidas fora do trabalho. Isso nos deixa muito feliz, ainda mais quando as suas imagens são boas e merecem ser compartilhadas. Nos contamos o trabalho do cinematógrafo Michal Dabal entre um desses.

  • Um Segredo do Cosmos: Lançando o Mais Novo Produto da Lomography

    written by Lomography on 2016-01-19 in #gear #news
    Um Segredo do Cosmos: Lançando o Mais Novo Produto da Lomography

    Psssiu! Nós temos matéria secreta nas nossas mãos, e está chegando à velocidade da luz! Nós estamos sendo tão misteriosos quanto o Cosmos sobre o nosso novo produto que não é desse mundo, constantemente em órbita sobre a nossa grande revelação. Mas a eclipse passará e logo logo as estrelas irão se alinhar. Até lá, tem que ter algumas perguntas flutuando no universo, certo? Bem, não precisa olhar para as estrelas para encontrar a sua resposta! Fique no mesmo comprimento de onda que a Lomography, e se segure enquanto nós vamos com hyperdrive. Deixe a sua imaginação livre como um foguete e veja se você consegue decifrar as nossas pistas sobrenaturais!

  • Khalik Allah: A Auréola na Escuridão da Noite

    written by jennifer_pos on 2015-10-25 in #people #lifestyle #videos
    Khalik Allah: A Auréola na Escuridão da Noite

    Ele se chama de Khalik Allah - um criador, um ser eterno e sem limites. Ele documenta a vida como ela vem e vai, como ela machuca, como ela brilha dentro dos protagonistas de suas histórias. Sua fotografia e videografia nos leva para a profundidade nas noites sem fim de Harlem, um lugar onde a escuridão parece alcançar seu pico. Mesmo assim, ele captura luz da forma mais pura, nos lembrando que está dentro dos nossos olhos, em cada um de nós.

  • A Lógica de Katherine April, Reflexões sobre 'Finding Katherine April'

    written by Julien Matabuena on 2015-12-04 in #people #news #lifestyle
    A Lógica de Katherine April, Reflexões sobre 'Finding Katherine April'

    "Finding Katherine April" é um projeto em andamento de instalações fotográficas de Katherine April, que envolve ela espalhando autorretratos pelo centro da cidade de Cambridge. Depois de uns meses com o projeto já em andamento, Lomography fala com a artista visual e escritora de Cambridge e Londres sobre a sua ideia por trás do projeto como a recepção pública e suas reflexões pessoais sobre ele.

  • Lomo’Instant Wide Dica No. 4 - Lente Ultra Wide-Angle

    written by Lomography on 2015-10-16 in #gear #tipster
    Lomo’Instant Wide Dica No. 4 - Lente Ultra Wide-Angle

    Quando dissemos que essa câmera era larga, estávamos falando sério! E quando você acrescentar o encaixe wide-angle para sua Lomo'Instant Wide a mágica realmente acontece! Agora você pode capturar tudo que está acontecendo em uma foto só!

  • Chilledvondub e sua Arma de Eleição: Leica M6

    written by Eunice Abique on 2015-07-17 in #world #lifestyle
    Chilledvondub e sua Arma de Eleição: Leica M6

    Craig Fullbrook jura pela Leica M6, não só por sua grande fama e reconhecimento, mas também por sua fiabilidade e performance. Nessa entrevista, ele explica melhor o que faz dessa estilosa câmera um "must-have" e a sua experiência em geral usando ela.

  • Tipster: Fotos Compostas

    written by Maaike van Stratum (@stratski) on 2016-01-11 in #gear #tipster
    Tipster: Fotos Compostas

    Tem tempos que você quer fotografar um prédio grande, e ele simplesmente não quer caber na sua foto. Um jeito legal de capturar aquele palácio ou aquela catedral é de fazer uma imagem composta.