Back To Basics: Capturando o tempo

Einstein pode ter desafiado a capacidade de viajar no tempo, mas a melhor coisa sobre o nosso primeiro amor, a fotografia, é a chance que temos de parar o tempo com ela. Esse artigo final te dá os poderes de escolher como fazê-lo.

Créditos: adam_g2000

Antes de continuar lendo este artigo, talvez você queira dar uma olhadinha nos meus artigos mais antigos. Você vai precisar saber controlar abertura e velocidade do obturador pra conseguir entender o que explico no artigo a seguir!

A abertura e velocidade do obturador controlam mais do que somente a profundidade do campo focal, eles permitem que você controle o tempo. Como já anteriormente discutido, se você vai deixar o obturador aberto por um tempo maior que o normal, as fotos provavelmente ficarão tremidas caso você segure a câmera só com as mãos! Coloque a câmera num tripé ou numa superfície estável e use o cable release: tudo na sua foto sairá nítido, menos as coisas que se mexem na paisagem, claro.

Pelo contrário, se você ajustar o obturador pra uma velocidade bem rápida (sempre dependendo da velocidade do objeto que está sendo fotografado) você pode parar esse movimento e capturá-lo com uma clareza bem afiada.

Como na foto aqui abaixo, que eu abri bastante a abertura da minha câmera SLR, e coloquei uma velocidade de filme bem alta pra tentar capturar as gotas d’água nessa fonte, algo que é difícil de enxergar a olho nu.

Tripé, 1/1000 por segundo.

Porém, na foto a seguir eu fiz o contrário: deixei a abertura mais fechada e diminui a velocidade do filme, conseguindo com isso capturar o fluxo, corrente de água dando um efeito de devaneio.

Tripé, 1/8 por segundo.

Fazer com que coisas pareçam parte de um sonho, pessoas embaçadas cruzando a rua, correntes de água, etc. é bem fácil e pode ser conseguido com maioria das câmeras (veja mais abaixo), mas parar movimentos pode requerir um obturador de velocidade alta que somente as câmeras SLR vão te oferecer. A velocidade necessária pra congelar o tempo sem embaçar fotos vão depender do que e o quão longe o objeto da foto está de você. Um trem, por exemplo, a 10s de metros de distância pode ser “parável” com a câmera ajustada em 1/100, se o trem estiver perto, talvez você precise ajustar em 1/1000.

Rápido o bastante para parar bolhas, porém não o suficiente para parar o movimento.

Para um intensivão em como conseguir esse tipo de resultado, dê uma olhada em How to Calculate a Minimum Shutter Speed to Yield an Adequately Sharp Image of a Moving Object, lá você vai achar ótimas dicas e tabelas.

Assim como tivemos progresso nos últimos 8 meses aprendendo sobre a trilogia de variáveis necessárias pra tirar a fotografia perfeita, agora aprendemos também como usá-las com finesse, especialmente pra capturar movimentos. Isso é algo que requer prática, sem o ISO flexível como nas câmeras digitais, e você pode querer os dois resultados em um único rolo de filme. Para brincar e aprender usando um medidor de luz, como os nas câmeras SLR, até você saber escolher exatamente o filme certo, leia: Back To Basics: Film 101 and Back To Basics: Aperture and Depth of Field. E por último: você provavelmente vai ficar preso a certos valores de abertura e velocidade do obturador, portanto, escolha com cuidado o ISO do filme que você vai utilizar.

Você não precisa ter uma SLR pra conseguir esses efeitos, mas você precisaria talvez substituir sua câmera. Câmeras automáticas como a nossa favorita, a LC-A, estão fora da lista. Uma câmera manual como a Lubitel é perfeita pra isso e com sua gama de aberturas e velocidades do obturador, você vai conseguir parar ou embaçar objetos. Com ela você tem o poder!

Exemplos tirados da comunidade de tempo “parado” ou “embaçado”.

A Diana, Holga e La Sardina são outros quinhentos. A velocidade é fixa e a abertura não vai fazer grande diferença. Você vai perceber lendo a tabela de distância que é possível “parar o tempo” à uma certa distância, mas não dando o close-up. Entretanto, é bem fácil de dar uma embaçada com um efeito “blur”. Com elas você tem esse maravilhoso truque na manga: o botão B (bulb)!

Ajuste sua câmera no modo “Bulb”, acople-a em um tripé, use o cable release e você vai poder manter o obturador aberto por quanto tempo quiser, você só precisa ter certeza de que o rolo de filme que você está usando é “devagar” (ISO baixo) o suficiente pra garantir uma longa exposição nas fotos. Um medidor de luz será bem útil neste caso.

Não vamos entrar nesse assunto aqui (é uma outra longa história), mas as palavras finais devem ser dedicadas à fotografia Pinhole por todas as suas fotos serem resultado de um processo bem devagar.

Créditos: neanderthalis, azurblue, janiemeringuepie & adam_g2000

Espero que você tenha gostado desse artigo tanto quanto eu gostei de escrevê-lo. A maior satisfação que tive foi ver discussões nos comentários, mensagens com dúvidas, perguntas ou feedback. Eu agradeço a todos!
Minha nova série de artigos começará no mês que vem, chamada ‘Basics Applied’. Todos mês vou selecionar uma câmera Lomography e discutirei sobre ela em termos de especificações técnicas e como usar toda a teoria na prática. Espero que vocês gostem.

Wow! O pessoal da Lomography me deixou recomendar um Back to Basics Rumble, que você acha aqui (em inglês), mal posso esperar para ver as fotos de vocês para podermos compartilhar quem somos e de que somos feitos!

Com isso, meus amigos, nosso tempo chegou ao fim!

escrito por adam_g2000 no dia 2012-11-13 em #gear #tutorials #bulb-mode #lens #tipster #long-exposures #shutter-speed #time #iso #camera #film #asa
traduzido por camilafraiz

Mais Artigos Interessantes

  • Fique Focado: Há Uma Primeira Vez Para Tudo

    escrito por Lomography no dia 2016-04-03 em #novidades
    Fique Focado: Há Uma Primeira Vez Para Tudo

    Você não vai acreditar no que nós temos para você com o lançamento do nosso novo produto misterioso. Que ideia louca, eles pensaram. Não pode ser, eles disseram. Mas na Lomography, nós sabemos que existe uma primeira vez para tudo. Então nós decidimos de voltar no tempo e dar uma olhada nos “primeiros” incríveis da história da fotografia. Será que esses passos têm alguma coisa a ver com o nosso produto misterioso?

  • A Beleza duradoura das Lanchonetes Americanas

    escrito por Lorraine Healy no dia 2015-12-16 em #places
    A Beleza duradoura das Lanchonetes Americanas

    Uma escritora e fotógrafa argentina, morando no Noroeste Pacífico (dos Estados Unidos), Lorraine Healy, é á muito tempo fã de câmeras de plástico e é a escritora do livro "Tricks With A Plastic Wonder" ("Truques com um Milagre de Plástico), um manual para alcançar resultados melhores com a Holga, disponível como um eBook do Amazon.com. Nesse artigo, Healy compartilha seu amor pelas lanchonetes vintage americanas (Diners) e os vários anos fotografando elas.

  • Um Segredo do Cosmos: Lançando o Mais Novo Produto da Lomography

    escrito por Lomography no dia 2016-01-19 em #novidades #gear
    Um Segredo do Cosmos: Lançando o Mais Novo Produto da Lomography

    Psssiu! Nós temos matéria secreta nas nossas mãos, e está chegando à velocidade da luz! Nós estamos sendo tão misteriosos quanto o Cosmos sobre o nosso novo produto que não é desse mundo, constantemente em órbita sobre a nossa grande revelação. Mas a eclipse passará e logo logo as estrelas irão se alinhar. Até lá, tem que ter algumas perguntas flutuando no universo, certo? Bem, não precisa olhar para as estrelas para encontrar a sua resposta! Fique no mesmo comprimento de onda que a Lomography, e se segure enquanto nós vamos com hyperdrive. Deixe a sua imaginação livre como um foguete e veja se você consegue decifrar as nossas pistas sobrenaturais!

  • Terapia de Exposição: Uma Entrevista com Edie Sunday

    escrito por Teresa Sutter no dia 2016-05-24 em #people
    Terapia de Exposição: Uma Entrevista com Edie Sunday

    As imagens de Edie Sunday são místicas, comoventes e íntimas. A fotógrafa de 26 anos de idade, que foi fascinada por cinema desde uma idade muito jovem, inspira-se com a forma feminina e explora um reino entre o consciente e o inconsciente, brincando com cor e luz.

  • Novidades do Shop

    O Bazar da Lomography

    O Bazar da Lomography

    Estamos sempre indo longe a busca, procuramos meticulosamente, caçamos e escolhemos às mãos, uns dos equipamentos mais experimental e alternativo por aí – e agora nós temos todos reunidos em uma categoria de loja fácil de navegar, prontos para a colheita! No Lomo-Bazar, você também pode fazer parte do nosso processo de recolha e coleção de novos produtos frescos, tesouros raros e criações de crowd-fundings para vender na loja – afinal, é tudo para você! "Entre em contato com a gente":https://docs.google.com/a/lomography.com/forms/d/13Tvg6uZN_4myQZYdHLhRjeQbdJ3po5dn_SQW3CYoy9E/viewform?c=0&w=1 para compartilhar as suas sugestões para produtos incríveis – vá em frente, estamos ouvindo!

  • Apresentando a Nova Lomo'Instant San Sebastián Edition

    escrito por Lomography no dia 2016-05-20 em #novidades
    Apresentando a Nova Lomo'Instant San Sebastián Edition

    Pode chegar com as vibrações do verão com o nosso mais novo membro da família instantânea! Com praias lindas e fascínio cosmopolita, a cidade basca de San Sebastián tem inspirado o nosso tesouro instantâneo mais novo – a Lomo'Instant San Sebastián

  • Primeiras Impressões da Daguerreotype Achromat 2.9/64: Pablo Rodrigo

    escrito por ellakoppensteiner no dia 2016-05-17 em #gear #novidades
    Primeiras Impressões da Daguerreotype Achromat 2.9/64: Pablo Rodrigo

    Fotografia em preto e branco. Retratos e paisagens com um look vintage. O fotógrafo "Pablo Rodrigo":http://pablo-rodrigo.com/ nos leva de volta no tempo através das fotografias incríveis que ele fez com a Daguerreotype Achromat 2.9/64 Art Lens.

  • Nour Matroud: O que você tem dentro da sua Bolsa?

    escrito por lomographymagazine no dia 2016-05-17 em #gear #people
    Nour Matroud: O que você tem dentro da sua Bolsa?

    Alguns poderiam dizer que revelar o conteúdo da sua bolsa, é como revelar os cantos mais profundos da sua alma. Nesta nova série, nós pedimos aos nossos fotógrafos e Lomógrafos preferidos para nos mostrarem o conteúdo secreto das suas bolsas. A nossa estagiária de varejo e marketing Nour Matroud começa esta nova série.

  • Adam Powell sobre a sua viagem à Islândia com a Lomo'Instant Wide

    escrito por lomographysoholondon no dia 2016-05-10 em #people
    Adam Powell sobre a sua viagem à Islândia com a Lomo'Instant Wide

    Adam Powell levou a Lomo’Instan Wide para a sua viagem recente a Islândia e conseguiu capturar algumas paisagens lindas.

  • Novidades do Shop

    Apresentando a Lomo'Instant Honolulu Edition

    Apresentando a Lomo'Instant Honolulu Edition

    Apresentando a adição mais legal para a nossa família criativa da fotografia instantânea—a Lomo'Instant Honolulu Edition ! Com a aparência super fresh com a sua paleta de cores limpas e seus detalhes de impressão de palmeiras, a nossa inspiração instantânea mais recente te leva para a cidade descontraída de Honolulu, Havaí. A brisa salgada do oceano, tiki bares exóticos, danças de hula atraentes e belas palmeiras, tudo esperando a sua criatividade ensolarada. Passe na nossa Loja Online ou em uma das nossas Lojas de Galeria em todo o mundo para obter a sua hoje!

  • Primeiras Impressões da Daguerreotype Achromat 2.9/64 Art Lens: Takeshi Suga

    escrito por Lomography no dia 2016-05-04 em #novidades #gear
    Primeiras Impressões da Daguerreotype Achromat 2.9/64 Art Lens: Takeshi Suga

    Como a nova lente da Lomography sai à noite e ao ar livre? Fotógrafo de Música Takeshi Suga nos conta tudo.

  • Taylor Ponto: Entrosamento e Intimidade com a Lomo'Instant Wide (NSFW)

    escrito por michellymatias no dia 2016-04-28 em #novidades #people
    Taylor Ponto: Entrosamento e Intimidade com a Lomo'Instant Wide (NSFW)

    O que um centro de candomblé e nus femininos têm em comum? Taylor Ponto. O fotógrafo paulista diz que é tímido, mas se ele não tem que falar de si mesmo, e pode comunicar através da câmera, de timidez ele não tem nada. Ele levou a Lomo'Instant Wide para lugares bem diferentes uns dos outros, criando um contraste instantâneo bem interessante.

    1
  • Primeiras Impressões da Daguerreotype Achromat 2.9/64 Art Lens: Morgane Stampfer

    escrito por Lomography no dia 2016-04-26 em #novidades #gear
    Primeiras Impressões da Daguerreotype Achromat 2.9/64 Art Lens: Morgane Stampfer

    Pratique o que você prega. PR Manager da Lomography na França usa o Daguerreotype Achromat Art Lens para fazer retratos impressionantes do seu irmão, o modelo Dimitri Stampfer.

  • Alfredo Buonanno fala sobre a filmagem com a Daguerreotype Achromat Art Lens

    escrito por lomographymagazine no dia 2016-04-25 em #novidades #vídeos #gear
    Alfredo Buonanno fala sobre a filmagem com a Daguerreotype Achromat Art Lens

    O clipe para “Van Gogh” de Stefano Benni e Fausto Mesolella apresenta gotas de luzes texturizadas no fundo. Considere a versão do diretor Alfredo Bonanno de uma paleta manchada de tinta. Sua ferrramenta? A ode da Lomography à primeira lente fotográfica, a Daguerreotype Achromat.