Lomógrafa por um dia: Elizabeth

Eu, carmengraphy, emprestei a minha Diana Mini com um Kodak Gold 200 à minha mãe Elizabeth e transformei-a numa “lomógrafa por um dia”. Vejam o que andou a fazer!

Créditos: eligraphy

1. Há quanto tempo não usavas filme?

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?Há duas preferidas: a da ponte sobre o Rio Tejo porque é uma combinação de elementos naturais: água, patos, luz natural. E a passagem entre as árvores, porque tem uma profundidade tal quadro pintado a óleo.

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?Há duas preferidas: a da ponte sobre o Rio Tejo porque é uma combinação de elementos naturais: água, patos, luz natural. E a passagem entre as árvores, porque tem uma profundidade tal quadro pintado a óleo.
Créditos: eligraphy

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?Há duas preferidas: a da ponte sobre o Rio Tejo porque é uma combinação de elementos naturais: água, patos, luz natural. E a passagem entre as árvores, porque tem uma profundidade tal quadro pintado a óleo.
Créditos: eligraphy
4. Se pudesse ir a qualquer lugar do mundo com esta máquina e montes de filme, onde iria e porquê?

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?Há duas preferidas: a da ponte sobre o Rio Tejo porque é uma combinação de elementos naturais: água, patos, luz natural. E a passagem entre as árvores, porque tem uma profundidade tal quadro pintado a óleo.
Créditos: eligraphy
4. Se pudesse ir a qualquer lugar do mundo com esta máquina e montes de filme, onde iria e porquê?A Jerusalém, fotografaria os lugares sagrados com esta câmera para capturar o efeito místico e antigo.

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?Há duas preferidas: a da ponte sobre o Rio Tejo porque é uma combinação de elementos naturais: água, patos, luz natural. E a passagem entre as árvores, porque tem uma profundidade tal quadro pintado a óleo.
Créditos: eligraphy
4. Se pudesse ir a qualquer lugar do mundo com esta máquina e montes de filme, onde iria e porquê?A Jerusalém, fotografaria os lugares sagrados com esta câmera para capturar o efeito místico e antigo.
Créditos: eligraphy

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?Há duas preferidas: a da ponte sobre o Rio Tejo porque é uma combinação de elementos naturais: água, patos, luz natural. E a passagem entre as árvores, porque tem uma profundidade tal quadro pintado a óleo.
Créditos: eligraphy
4. Se pudesse ir a qualquer lugar do mundo com esta máquina e montes de filme, onde iria e porquê?A Jerusalém, fotografaria os lugares sagrados com esta câmera para capturar o efeito místico e antigo.
Créditos: eligraphy
5. Alguma memória bonita de infância com alguma câmera analógica?

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?Há duas preferidas: a da ponte sobre o Rio Tejo porque é uma combinação de elementos naturais: água, patos, luz natural. E a passagem entre as árvores, porque tem uma profundidade tal quadro pintado a óleo.
Créditos: eligraphy
4. Se pudesse ir a qualquer lugar do mundo com esta máquina e montes de filme, onde iria e porquê?A Jerusalém, fotografaria os lugares sagrados com esta câmera para capturar o efeito místico e antigo.
Créditos: eligraphy
5. Alguma memória bonita de infância com alguma câmera analógica?Sim! Dos passeios à Montanha la Puerta, em que o meu pai tirava fotografias com máquinas analógicas. Até instantâneas!

Uff.. Em toda a minha vida.. Pelo menos há 30 anos!

Créditos: eligraphy
2. Como descreveria a experiência em 5 palavras?Jovial, divertida, curiosa, viciante!
Créditos: eligraphy
3. Qual a sua fotografia preferida, das quais você tirou, e porquê?Há duas preferidas: a da ponte sobre o Rio Tejo porque é uma combinação de elementos naturais: água, patos, luz natural. E a passagem entre as árvores, porque tem uma profundidade tal quadro pintado a óleo.
Créditos: eligraphy
4. Se pudesse ir a qualquer lugar do mundo com esta máquina e montes de filme, onde iria e porquê?A Jerusalém, fotografaria os lugares sagrados com esta câmera para capturar o efeito místico e antigo.
Créditos: eligraphy
5. Alguma memória bonita de infância com alguma câmera analógica?Sim! Dos passeios à Montanha la Puerta, em que o meu pai tirava fotografias com máquinas analógicas. Até instantâneas!
Instantânea dos meus 15 anos com a Polaroid de meu pai

Querem transformar alguém num lomógrafo por um dia? Não hesite! Aquí encontrará toda a dinâmica para compartilhar a sua paixão analógica com quem quiser!

escrito por carmengraphy no dia 2012-12-24 em #lifestyle #lomografo-por-un-dia #lomographer-for-a-day #lomografo-por-un-dia #lomographer-for-a-day #eligraphy #carmengraphy
traduzido por roxanneross

Mais Artigos Interessantes

  • Travel Stories: Cartagena de Indias, Colômbia por peruvianfan

    escrito por lomographymagazine no dia 2015-11-27 em #places
    Travel Stories: Cartagena de Indias, Colômbia por peruvianfan

    Eu viajei a Cartagena de Indias, Colômbia em maio de 2015 com a minha irmã gêmea. O nosso aniversário foi no dia 31, e pelos últimos anos anos nós fizemos um pacto para passar os nossos aniversários viajando o máximo possível (e enquanto ainda somos solteiras!).

  • Longas Exposições pela Europa com a Minitar-1 Art Lens

    escrito por antoniocastello no dia 2015-12-10 em #gear #places
    Longas Exposições pela Europa com a Minitar-1 Art Lens

    Uma das coisas que eu mais gosto na Minitar-1 Art é como nítido o foco pode ser quando você tira fotos com uma pequena abertura. Se você gosta de fotografar a noite, pega um tripé, adicione isso a uma tarde escura de inverno e você vai acabar com um monte de exposições lindas. Foi isso que eu fiz na minha última viajem à Europa.

  • Jason D. Page e a Magia de Desenhar com Luz

    escrito por bgaluppo no dia 2015-07-09 em #people
    Jason D. Page e a Magia de Desenhar com Luz

    Tendo descoberto Light Painting (Desenho com Luz) por mero acaso, Jason D Page é considerado hoje em dia um mestre nessa matéria. Ele é pioneiro em diversas técnicas de Light Painting e o seu trabalho foi exposto em diversas exposições e galerias pelo mundo inteiro. Ele é um artista apaixonado e creativo e também o fundador da Light Painting Brushes (Pincéis de Desenho de Luz) e LightPaintingPhotography.com - um website dedicado a tudo o que envolve Light Painting!

  • The Big Picture: O novo produto misterioso da Lomografia (Parte 1)

    escrito por lomography no dia 2015-10-09 em #novidades #gear
    The Big Picture: O novo produto misterioso da Lomografia (Parte 1)

    Sim, você leu isso certo: A Lomografia voltou com um novo produto bacana! Mas mesmo querendo contar tudo nesse exato momento — que graça teria isso, né?— nós decidimos fazer tudo um pouco mais interessante e jogar o velho joguinho do " o que é, o que é?". Que tal? Comece agora e veja se consegue adivinhar com as nossas pistas!

  • Novidades do Shop

    Apresentando a Lomo'Instant Honolulu Edition

    Apresentando a Lomo'Instant Honolulu Edition

    Apresentando a adição mais legal para a nossa família criativa da fotografia instantânea—a Lomo'Instant Honolulu Edition ! Com a aparência super fresh com a sua paleta de cores limpas e seus detalhes de impressão de palmeiras, a nossa inspiração instantânea mais recente te leva para a cidade descontraída de Honolulu, Havaí. A brisa salgada do oceano, tiki bares exóticos, danças de hula atraentes e belas palmeiras, tudo esperando a sua criatividade ensolarada. Passe na nossa Loja Online ou em uma das nossas Lojas de Galeria em todo o mundo para obter a sua hoje!

  • Do Estudante pro Fotógrafo de Conta Própria - Kevin Biberbach fala sobre o seu Trabalho e a Nova Petzval 85

    escrito por zonderbar no dia 2015-07-23 em #people
    Do Estudante pro Fotógrafo de Conta Própria - Kevin Biberbach fala sobre o seu Trabalho e a Nova Petzval 85

    Quem de nós não sonha com poder fazer dinheiro fotografando? Transformar o seu hobby em trabalho ou desistir do segundo emprego para trabalhos de fotografia pagos? Kevin Biberbach, é um estudante de Aachen, que conseguiu isso com o seu projeto de 365 dias "EVERY DAY" que chamou tanta atenção,que os encargos foram vindo sozinhos e agora ele paga as contas tirando fotos em casamentos, para casais e famílias. Na entrevista com a Lomography, ele nos conta sobre o seu projeto, sua paixão a fotografia e a nova lente Petzval 85.

  • Lomo In-Depth: A Importância definidora de Mulheres Fotógrafas na História da Arte

    escrito por Ciel Hernandez no dia 2016-03-08 em
    Lomo In-Depth: A Importância definidora de Mulheres Fotógrafas na História da Arte

    É do conhecimento geral que a história—governada e escrito pelo patriarcado austera—não tem sido tão gentil com as mulheres. Fotografia é uma das raras excepções; mulheres estabeleceram sua presença penetrante e participação em fotografia desde o nascimento da câmara em 1800. Lomography traça o papel das mulheres na fotografia com um resumo especial e abrangente para o Dia Internacional da Mulher.

  • Modos Instantâneas de Pintar A Noite

    escrito por lomographymagazine no dia 2016-02-08 em #gear
    Modos Instantâneas de Pintar A Noite

    A Lomo'Instant Marrakesh, o nosso equipamento romântico, nos deixou pensando em noites de fevereiro. E o que combina mais com um encontro a meia-noite e fotografia instantânea do que pinceladas ousadas de luz? Então essa é a nossa missão noturna, de fazer pinturas com luz brilharem com anedotas pessoais.

  • As Ruas Como Escola: A Fotografia de Alice Smeets

    escrito por K. Aquino no dia 2015-08-14 em
    As Ruas Como Escola: A Fotografia de Alice Smeets

    Transformar fotojornalismo numa arte que incite a participação do público é por si só uma tarefa complicada, ainda mais quando o tópico é pobreza. Em 2014, Alice Smeets aceitou o desafio.

  • Novidades do Shop

    O Bazar da Lomography

    O Bazar da Lomography

    Estamos sempre indo longe a busca, procuramos meticulosamente, caçamos e escolhemos às mãos, uns dos equipamentos mais experimental e alternativo por aí – e agora nós temos todos reunidos em uma categoria de loja fácil de navegar, prontos para a colheita! No Lomo-Bazar, você também pode fazer parte do nosso processo de recolha e coleção de novos produtos frescos, tesouros raros e criações de crowd-fundings para vender na loja – afinal, é tudo para você! "Entre em contato com a gente":https://docs.google.com/a/lomography.com/forms/d/13Tvg6uZN_4myQZYdHLhRjeQbdJ3po5dn_SQW3CYoy9E/viewform?c=0&w=1 para compartilhar as suas sugestões para produtos incríveis – vá em frente, estamos ouvindo!

  • Terapia de Exposição: Uma Entrevista com Edie Sunday

    escrito por Teresa Sutter no dia 2016-05-24 em #people
    Terapia de Exposição: Uma Entrevista com Edie Sunday

    As imagens de Edie Sunday são místicas, comoventes e íntimas. A fotógrafa de 26 anos de idade, que foi fascinada por cinema desde uma idade muito jovem, inspira-se com a forma feminina e explora um reino entre o consciente e o inconsciente, brincando com cor e luz.

  • Lomo’Instant Wide Dica No. 10 - Longas Exposições

    escrito por Lomography no dia 2015-10-22 em #gear #tutorials
    Lomo’Instant Wide Dica No. 10 - Longas Exposições

    Pintura de Luz é um dos jeitos mais divertidos (e mais fáceis!) para experimentar com longas exposições. Configure a sua Lomo'Instant Wide para o modo B e comece a fazer longas exposições como você quiser!

  • A Rota da Alegria: Uma Entrevista com o Fotógrafo de Viajens Réhahn

    escrito por K. Aquino no dia 2015-07-24 em #people
    A Rota da Alegria: Uma Entrevista com o Fotógrafo de Viajens Réhahn

    "Dep qua!" exclama Réhan numa conversa em vietnamita. Ao elogiarem a beleza da sua foto os nativos riem, e o fotógrafo, uma vez mais, saca câmera, que é por estas bandas tão bem-vinda quanto uma colheita abundante .

    2
  • 366 Dias em um Instante: Uma Entrevista com Wes Hodge

    escrito por Azin Teimoori no dia 2016-03-10 em #people
    366 Dias em um Instante: Uma Entrevista com Wes Hodge

    Entre trabalhos para comerciais, fotografando casamentos e surfando, o fotógrafo de Honolulu Wes Hodge trabalha no seu #instax366project, criando e compartilhando uma (e somente uma) foto instantânea por dia. Nós tivemos a chance de bater um papo com ele sobre os julgamentos do perfeccionismo e a sua primeira impressão da Lomo’Instant Wide!