O Primeiro Amor de Formato Médio: A Minha Yashica Mat-124G

2017-03-09

Uma fã de longa data de câmeras de plástico, a autora e fotógrafa argentina Lorraine Healy é a autora de “Tricks With A Plastic Wonder,” um manual para obter melhores resultados com a câmera Holga. Neste artigo, Healy explora o seu carinho pela clássica Yashica TLR.

Anos atrás, quando a minha amiga a mentora Sharon “Shoe” Shoemaker me disse que eu tinha que experimentar com o formato médio, eu não tinha a menor ideia do que “formato médio” era. Até aquele ponto, a minha experiência fotográfica inteira tinha sido com 35mm ou as caixas ou as caixas populares de filmes 127 que eram usadas por câmeras como a Kodak Fiesta. Eu comecei a procurar câmeras de meio formato e nessa época, em 2002, o povo estava vendendo o seu equipamento analógico às toneladas. Quando eu vi uma das câmeras recomendadas, eu lembrei do meu avô e uma das minhas tias fotografando com uma dessas quando eu tinha uns seis anos de idade. Era uma TLR, eu não sei que marca. Mas a Yashica parecia perfeita, então eu comprei uma. Eu também comprei uma câmera dobrável Voigtlander Besseler, só porque a ideia de dobrar uma câmera me atraiu. Mas nunca entrei nessa.

Antique Store in Buenos Aires, Argentina. Yashica TLR.

Se eu sabia antes que a TLR iria mostrar a imagem virada da direita a esquerda? Eu acho que não. Demorou um pouco pra mim entender a composição, alinhando coisas do jeito que eu queria. Mas assim que eu entendi como funciona, a câmera roubou meu coração. E ela nunca mais devolveu!

Sestiere San Polo in Venice. Yashica TLR.

A Yashica Mat-124 G foi fabricada de 1970 até 1986 e foi a última TLR produzida por Yashica. Não é uma câmera muita rápida, com a Yashinon 80mm f3.5-22 (equivalente a uns 50mm) e o obturador oferece velocidades de 1 à 1/500 seg., e Bulb. Ela carrega filmes 220 com um simples deslizar de placas de pressão. Eu ainda tenho uns rolos de filme 220 e eu acho que essa é a minha única câmera que aproveita eles.

Two images of the beautiful village of Cesky Krumlov, in the South of the Czech Republic. Yashica TLR.

Eu comecei a viajar com a Yashica e por onde eu andava com ela, a mesma coisa acontecia: se eu estava fotografando nas ruas, pessoas da minha idade e mais velhas sorriam com prazer e imediatamente começavam a me contar sobre a TLR dos seus pais, avôs, tios. Era o maior quebra-gelo já conhecido. Foi como se as pessoas não conseguissem se segurar. A Yashica era um ima do seu passado e eles tinham que falar com esta mulher que parecia estar carregando uma delas ao invés de um milagre digital.

Burano, near Venice. Yashica TLR.

Uma coisa diferente aconteceu quando eu estava fotografando dentro de um café de Buenos Aires: eu era invisível. Os homens dentro dos cafés me davam uma olhada, olhavam pra mim com a minha cara enfiada dentro da Yashica enquanto eu estava focando e me ignoravam imediatamente e voltavam para os seus papos. Isso era exatamente o que eu queria, os “suspeitos habituais” nas suas mesas, conversando sobre os seus negócios de concertar o mundo, a economia, a política, ou “fútbol”. Eu coloquei a minha Yashica na minha mesa e fotografei o tanto quanto eu queriam, focando quando eu queria mudar de ângulo. Por conta do negativo maior de 6x6 cm, mesmo se a minha composição não saísse perfeita, eu poderia cortar mesas e cadeiras depois para a minha impressa final.

Two quiet scenes at my most favorite café in Buenos Aires, the Argos, now sadly gone.

O ISO na Yashica só vai até 400 e eu nunca tentei fotografar com filme de 800 ou mais. Eu tenho certeza de que iria dar certo se eu usasse um fotómetro lendo o ISO correto.

Burano, near Venice. Yashica TLR.

Mas por mais que eu ame essa câmera, nos últimos anos eu não pude viajar com ela, a não ser se eu estivesse viajando de carro. Com 1.1 quilos (2.5lbs), ela ficou muito pesada pra mim levar ela o dia inteiro, pendurada no meu pescoço como eu fazia antes ou até na minha mochila de fotografia. Por isso este incrível tijolo de câmera não está sendo mais tão usada como eu gostaria. Recentemente eu tive que mandar concertar, porque a roda que abre a câmera ficou entalado. O meu mágico de câmera local, Doug, retornou ela à sua glória original. Uma olhada no eBay mostrou que uma dessas câmeras sai por $250-$300, em condição excelente—o que, na minha experiência, significa que é melhor você economizar para mandar pro seu serviço de câmera de confiança, só pra ter certeza que você obterá as melhores imagens.

Père Lachaise Cemetery, Paris, shot with expired film. Yashica TLR.

Informação Técnica:

Tipo de Filme: 120 or 220
Tamanho de Foto: 6cm x 6cm
Peso: 2lbs, 6.8oz (1,100g)
Lente: revestida, 4 elementos Yashinon 80mm f3.5-22 [equivalente à (mais ou menos) 50mm]
Tamanho do Filtro: Bay I (Bayonet type I) 30mm
Gama Focal: 3.5' até infinito
Obturador: Copal SV
Velocidade do Obturador: B, 1-500
Visor: TLR
Medidor de Exposição: CdS
Gama ASA: 25-400


Uma fã de longa data de câmeras de plástico, a autora e fotógrafa argentina Lorraine Healy (@lorrainehealy) é a autora de “Tricks With A Plastic Wonder,” um manual para obter melhores resultados com a câmera Holga, disponível como livro eletrônico no Amazon.com.

escrito por Lorraine Healy no dia 2017-03-09 em #equipamento

Mais Artigos Interessantes

  • Acontecimentos em Filme: A Urgência dos Refugiados em Como

    escrito por sirio174 no dia 2016-12-15 em #cultura #pessoas #lugares
    Acontecimentos em Filme: A Urgência dos Refugiados em Como

    Neste artigo eu vou mostrar uma emergência séria na minha cidade Como, pero ta borda Suíça. a chegada de centenas de refugiados e migrantes da África e do oriente Médio, dos seu primeiro acampamento perto da estação de trem até a acomodação final em um lugar melhor.

  • A Vida Secreta de um Fotógrafo: Misha Assis

    escrito por michellymatias no dia 2017-04-11 em #pessoas
    A Vida Secreta de um Fotógrafo: Misha Assis

    Já se perguntou como é o dia-a-dia de um fotógrafo? Desta vez, vamos dar uma olhada por trás da lente de Misha Assis, um membro de longa data da Lomografia, famoso pelas suas lindas fotos com a Petzval e um fotógrafo e artista talentoso.

    1
  • Best of Diana F+: Múltiplas Exposições

    escrito por lomographymagazine no dia 2017-10-17 em #cultura
    Best of Diana F+: Múltiplas Exposições

    Para celebrar uma década da Diana F+, nós colecionamos as melhores imagens feitas com a clássica câmera da Lomography. Veja como ela reorganizou e reformou o mundo nessa galeria de múltiplas exposições de tirar o fôlego.

    2017-10-17
  • Novidades do Shop

    O Bazar da Lomography

    O Bazar da Lomography

    Estamos sempre indo longe a busca, procuramos meticulosamente, caçamos e escolhemos às mãos, uns dos equipamentos mais experimental e alternativo por aí – e agora nós temos todos reunidos em uma categoria de loja fácil de navegar, prontos para a colheita! No Lomo-Bazar, você também pode fazer parte do nosso processo de recolha e coleção de novos produtos frescos, tesouros raros e criações de crowd-fundings para vender na loja – afinal, é tudo para você! "Entre em contato com a gente":https://docs.google.com/a/lomography.com/forms/d/13Tvg6uZN_4myQZYdHLhRjeQbdJ3po5dn_SQW3CYoy9E/viewform?c=0&w=1 para compartilhar as suas sugestões para produtos incríveis – vá em frente, estamos ouvindo!

  • LomoAmigo Erhan Baran e Retratos com o LomoChrome Purple

    escrito por nural no dia 2017-10-17 em #pessoas
    LomoAmigo Erhan Baran e Retratos com o LomoChrome Purple

    Erhan Baran que mora em Silivri usou o New LomoChrome Purple nos seus retratos recentes. Continua lendo para saber mais sobre ele e as suas fotos – e veja como o LomoChrome Purple transforma áreas verdes!

    2017-10-17
  • Meu primeiro encontro com a Diana F+: @orangebird

    escrito por lomographymagazine no dia 2017-10-16 em #pessoas
    Meu primeiro encontro com a Diana F+: @orangebird

    Em honra dos 10 aninhos da câmera Diana F+, a lomógrafa @orangebird compartilha a história do seu primeiro encontro com a Diana F+.

    2017-10-16
  • PJ Harvey: Capturando a Turnê com a LC-A+

    escrito por lomographysoholondon no dia 2017-10-10 em #novidades #pessoas
    PJ Harvey: Capturando a Turnê com a LC-A+

    Cantora, compositora e poeta inglesa PJ Harvey recentemente levou a LC-A+ na turnê pela Austrália e Ásia apoiando o seu álbum The Hope Six Demolition Project. Ficamos encantados de poder dar uma olhadela na vida de uma música em movimento através dos olhos dessa câmera analógica clássica.

    2017-10-10
  • Novidades do Shop

    Apresentando a Lomo'Instant Honolulu Edition

    Apresentando a Lomo'Instant Honolulu Edition

    Apresentando a adição mais legal para a nossa família criativa da fotografia instantânea—a Lomo'Instant Honolulu Edition ! Com a aparência super fresh com a sua paleta de cores limpas e seus detalhes de impressão de palmeiras, a nossa inspiração instantânea mais recente te leva para a cidade descontraída de Honolulu, Havaí. A brisa salgada do oceano, tiki bares exóticos, danças de hula atraentes e belas palmeiras, tudo esperando a sua criatividade ensolarada. Passe na nossa Loja Online ou em uma das nossas Lojas de Galeria em todo o mundo para obter a sua hoje!

  • Amizades Estrangeiras Através de Filme: Uma Entrevista com a Criadora do Blog 'Film Based Traveler' Nicole Yeoh

    escrito por crissyrobles no dia 2017-10-10 em
    Amizades Estrangeiras Através de Filme: Uma Entrevista com a Criadora do Blog 'Film Based Traveler' Nicole Yeoh

    Nicole Yeoh tem um blog localizado em Singapura Film Based Traveler onde ela escreve sobre os seus passeios fotográficos e como fazer boas amizades através da fotografia analógica. Nós batemos um papo com ela sobre a sua lealdade ao filme.

    2017-10-10
  • “EXPOSÉ”:Fotos Encontradas de uma Câmera de 1929

    escrito por lomographymagazine no dia 2017-10-10 em #novidades
    “EXPOSÉ”:Fotos Encontradas de uma Câmera de 1929

    Era uma vez um bazar holandês, onde um fotógrafo chamado Martijn van Oers comprou uma câmera dobrável do começo do século 20. Mal sabia ele, que dentro da câmera, tinha um filme exposto e não revelado.

    2017-10-10
  • A História Polêmica do Filme Colorido e Tons de Pele

    escrito por lomographymagazine no dia 2017-10-10 em #cultura #vídeos
    A História Polêmica do Filme Colorido e Tons de Pele

    Uma professora na Universidade de Concordia chamada Lorna Roth pesquisou a evolução de tons de pele em imagens e explicou nas suas escritas como a tecnologia dos filmes antigos mostravam uma preferência de pessoas com pele mais clara.

    2017-10-10
  • Novidades do Shop

    Direto de Milão

    Direto de Milão

    Chegou alguém novo na cidade e há rumores de que ela é a solução sartorial aos seus desejos de fotografia instantânea. A nova Lomo’Instant Milano chegou! Seja corajoso, seja alto! A Milano Edition vem com um novo visual que certamente vai virar cabeças quando você tirar aqueles adoráveis snaps de tamanho de carteira . Canalize sua fashionista interior e comece a fotografar com esta nova adição à família crescente da Lomo'Instant. Pegue uma no Online Shop agora!

  • Retratos Que Contam Histórias: Uma Entrevista com Jeff Isy

    escrito por Ivana Džamić no dia 2017-10-05 em #pessoas
    Retratos Que Contam Histórias: Uma Entrevista com Jeff Isy

    Tendo crescido em uma ilha tropical cercado pela pura natureza, Jeff Isy desenvolveu a habilidade de ver e encontrar coisas lindas ao seu redor. A sua fotografia de retrato e de estilo de vida é caracterizada por lindas composições e cores quentes que realmente destacam o seu trabalho.

    2017-10-05
  • Stoned in Melanchol: Uma Entrevista com Megan Doherty

    escrito por Ivana Džamić no dia 2017-10-03 em #pessoas
    Stoned in Melanchol: Uma Entrevista com Megan Doherty

    O trabalho de Megan Doherty se trata de capturar os melhores momentos da juventude e liberdade. Ela mudou para a fotografia analógica logo depois de ter percebido que ela traz uma estética especial às suas fotos. Megan sempre nos surpreender com o seu trabalho e sua habilidade de oferecer algo novo e diferente

    2017-10-03
  • Apresentando a Nova Lomo'Instant Oxford!

    escrito por Lomography no dia 2017-10-03 em #novidades
    Apresentando a Nova Lomo'Instant Oxford!

    Inspirada pela "cidade das espiras sonhadoras", a mais recente adição à familia Lomo’Instant é uma coisinha esperta. Adicione um toque de elegância às suas aventuras de outono com a Lomo’Instant Oxford!

    2017-10-03