Desertos, Bruxaria e Realismo Mágico: O Mundo de Andrea Mae Perez

2017-07-11

Andrea Mae Perez é uma arista multi-disciplinar espanhola-americana. Através de vídeo, fotografia e várias colaborações artísticas, ela criou um mundo cativante e multicultural ao seu redor. A curta metragem Desert-ar foi apresentada como parte da seleção oficial de 2017 do BFI Future Film Festival.

Retrato de Andrea Mae Perez por Kamila K Stanley

Hola! Como uma diretora e fotógrafa, você trabalha tanto com imagens still e movimentadas. Como você balança a sua energia e visão entre esses dois meios?

Fotografia é uma grande parte do cinema. E ela tem o poder de contar uma história ou transmitir uma emoção em uma só imagem. Então, de certo modo, a fotografia me ensina precisão e detalhe, qualidades que eu gosto de usar nos meus filmes. Pra mim, mise-en-scène é tudo, tendo a cor e a escolha de acessórios contam a história.

Ambos, na sua fotografia e na sua cinematografia, você parece ter um gosto para técnicas analógicas: filme de 35mm, retratos coloridos a mão, e Desert-ar, que foi colorido de uma forma não diferente do caráter e das cores do Kodakchrome. Por que esta estética nostálgica?

Acima: Várias fotografias de 35mm
De baixo: Still de from Desert-ar, escrito e dirigido por Andrea Mae Perez em 2015 (9'29''). Seleção Oficial do BFI Future Film Festival 02/17.

Você diz que o seu trabalho é inspirado pelo Realismo Mágico. Você pode nos contar um pouco mais sobre isso?

No realismo mágico, o mais irreal e surreal é concebido como algo completamente real e natural para os caráteres. E assim, as suas emoções mais doidas podem serem vistas de maneira tangível. Esta é uma das qualidades mais fascinantes do cinema pra mim, o quanto é eficiente a representar o mais intangível , como emoções, reações, sentimentos, etc através de escolhas tangíveis.

Você é originalmente de Madrid, estudou Artes em Londres e no momento está morando em Paris. Como todas essas cidades diferentes formaram a sua visão artística?

Madrid foi onde eu cresci e por isso, onde a minha curiosidade começou. Eu era um nerd de filme desde os meus 3 anos quando eu recebi o meu primeiro VCR, eu assistia no mínimo 3 filmes por dia por muitos anos, e reproduzia cenas de muitos deles. Eventualmente, Madrid se tornou o lugar da experimentação. Eu dancei, fiz fotografia e teatro o que me levou ao cinema. Mas foi em Londres onde eu me tornei uma cineasta. Lá eu aprendi tanto, da história à prática. Eu conheci um grupo incrível de criadores talentosos que se tornaram meus amigos e também colaboradores. Este tempo também formou o começo do meu estilo pessoal. Eu ainda tenho que me desenvolver em Paris, artisticamente, mas agora, ela me inspira todos os dias.

Press Photos for Paris-based band Agar Agar (left); and Lyon-based DJ Folamour (right).

Mulheres parecem ser um tema no seu trabalho. Por que?

Eu sou uma mulher, criada por uma mulher então isso com certeza influencia quem eu sou e o que eu escolho a representar no meu trabalho. A minha vida inteira, eu sempre tive caráteres femininos fortes ao meu redor. Na Espanha, onde eu passei o maior tempo da minha vida, eu sinto que culturalmente, as mulheres têm um modo incrivelmente forte, valente e direto de ser. De alguma forma isso me parece mais pessoal.

Left: 35mm photograph by Andrea Mae Perez. Right: photograph by Kamila K Stanley for METAL Magazine, with Set Design by Andrea Mae Perez.
Still image from Desert-ar, written and directed by Andrea Mae Perez in 2015 (9'29''). Official Selection of the BFI Future Film Festival 02/17.

Que novos projetos 2017 irá trazer?

Agora, um novo clipe excitante, fotos para algumas bandas e no meio tempo eu vou estar escrevendo e desenvolvendo umas ideias, ambos para curta-metragem e longa-metragem. Eu também estou planejando a continuar enviando o meu filme Desert-ar para festivais, que acabou de ser escolhido para o BFI Future Film Festival em Londres!!! Mesmo assim, o que eu estou mais ansiosa a fazer é o que eu ainda não espero!


Para ver mais do trabalho da Andrea, por favor, visite o seu site e siga ela no Instagram.

escrito por kamilakstanley no dia 2017-07-11 em #pessoas

Mais Artigos Interessantes