Você tem uma conta? Login | Você é novo na Lomography? Cadastre-se | Lab | Site atual:

Todos os artigos escritos no Lomography.com.br

Arquivo

  • Capítulo 23: Queremos mais Lomo LC-A - A reunião com Vladimir Putin

    Capítulo 23: Queremos mais Lomo LC-A - A reunião com Vladimir Putin
    A discussão com o presidente de potência mundial foi agradável. Putin estava muito interessado em lomografia e após aproximadamente uma hora quando a reunião chegou ao fim cada grupo concordou que a produção da LOMO LC -A devia ser mantida. O abandono da produção da câmera não seria benéfico para a cidade de São Petersburgo ou seja, não ajudaria a sua reputação internacional! Após o encontro auspicioso, algum tempo depois, outro encontro aconteceu entre Putin e o Diretor Geral da LOMO PLC,Klebanov.
  • Capítulo 22: Queremos mais! A interrupção temporária da produção da Lomo LC-A

    Capítulo 22: Queremos mais! A interrupção temporária da produção da Lomo LC-A
    Infelizmente, apesar dos esforços combinados - os Lomógrafos estavam prontos para elevar o preço de compra em relação ao dólar dos EUA - os novos cálculos, eram ainda decepcionantes. Os Lomógrafos seriam obrigados a pagar um preço por unidade, inacessível, para garantir que a produção, mesmo em quantidades mínimas, e ainda seria rentável para LOMO PLC.
  • Capítulo 21: Queremos mais Lomo LC-A! Negociações difíceis em St. Petersburg

    Capítulo 21: Queremos mais Lomo LC-A! Negociações difíceis em St. Petersburg
    Em outubro de 1995, quando os Lomógrafos então pediram 3.000 câmeras por mês, uma resposta inesperada veio dos russos: "Como estamos entregando as câmeras estes irão custar 50% a mais por câmera". O quê! Como na Terra, era isso possível? O que parecia tão simples, a partir da perspectiva de livre mercado dos austríacos (finalmente as câmeras estavam vendendo como água), infelizmente foi muito mais complicada em São Petersburgo.
  • Capítulo 20: Lomografia em Toda Parte

    Capítulo 20: Lomografia em Toda Parte
    Esmagado por tanta popularidade os Lomógrafos tomaram coragem e marcaram um encontro com Lazar Zalmanov na LOMO PLC. Vestiram seus ternos e entraram no Aeroflot russa de São Petersburgo. Sua missão: manter a produção da Lomo LC-A viva.
  • Grande Livro LC-A Capítulo 19: 300 Câmeras na Sede Viena

    Grande Livro LC-A Capítulo 19: 300 Câmeras na Sede Viena
    O primeiro contrato de venda de 300 câmeras foi assinado e a delegação austríaca se despediu dos amigos russos. Eles não tinham idéia de que o futuro ainda traria. Ao sair, Lazar casualmente disse aos Lomógrafos que a produção de Natal da LOMO LC-A estava finalmente chegando ao fim. Ele desejava que aos Lomógrafos pálidos uma viagem segura e entrou no gabinete do então diretor-geral Ilya Iosifovich Klebanov, a fim de informar a ele sobre a visita incomum. Ao observar o grupo vienense se aproximando através da vidraça, com casacos de couro e cabelos longos, o ex-chefe das salas de produção Filiale e bom futuro amigo dos Lomógrafos recusou definitivamente ter um encontro com aqueles homens absolutamente não comerciais.
  • Capítulo 18: O Fax para São Petersburgo

    Capítulo 18: O Fax para São Petersburgo
    Enquanto isso, em São Petersburgo. Alguns dos raios de sol raros penetravam pela janela um pouco negligenciada no segundo andar dos escritórios LOMO PLC e causou o gerente do recém-criado Departamento de Relações Públicas, Lazar Semyonovich Zalmanov, a olhar de soslaio. "O que diabos o companheiro do departamento de marketing me envia aqui?", Ele perguntou a si mesmo enquanto ele re-lia o fax que recebera recentemente. "Relações Públicas chefe Zalmanov, isto pode ser do seu interesse", escreveu o chefe adjunto do departamento de marketing.
  • Capítulo 17: O Lomógrafos estão Chegando

    Capítulo 17: O Lomógrafos estão Chegando
    Devido às grandes mudanças na então União Soviética no início dos anos noventa, as fábricas LOMO PLC encontraram dificuldades em lidar com o novo ambiente que eles tinham para viver uma vez que a LOMO PLC estava acostumada com os negocio indo bem, começou a sofrer a partir de uma queda súbita. No entanto, nem tudo estava perdido para a amada Lomo LC-A, quando um grupo de estudantes vienenses "descobriu" a câmara uma vez popular e levaram-na a sua república estudantil em Viena.
  • Agfa Vista 35mm ISO 100 - Cores Neles!

    Agfa Vista 35mm ISO 100 - Cores Neles!
    Viciado em filmes 35mm que sou, resolvi testar o filme agfa vista 100 em uma viagem maravilhosa para Turquia. Fui para uma cidade litoranea chamada Belek om a minha Holga TLR BC , e como o sol brilhava intensamente, usei um filme iso 100.
  • Revelação caseira a cores com Tetenal Color Colortec C-41 Rapid Negative Kit

    Revelação caseira a cores com Tetenal Color Colortec C-41 Rapid Negative Kit
    Depois de ter começado a revelar filme preto e branco queria mesmo saber se era possível fazer o mesmo com negativos a cores, mas os rapazes do laboratório disseram-me: “processar filme a cores é diferente…precisas de acertar temperaturas, encontrar a química, e a química expira depressa, o laboratório é mais barato e seguro”. Mas eu estava decidido!
  • Competição Refrescar (TAG) -- até o dia 25/02 terminou aproximadamente 3 anos atrás

    Competição Refrescar (TAG) -- até o dia 25/02
    Enquanto o verão ainda esquenta a nossa pele, buscamos todas as alternativas para escapar dele. Mas agora você vai agradecer o calor por existir, pois sem ele e logo, sem as saídas mais refrescantes , não haveria esta competição!