Você tem uma conta? Login | Você é novo na Lomography? Cadastre-se | Lab | Site atual:

Fotos analógicas psicodélicas de Jessica Eaton

Dê a um lomógrafo uma câmera analógica e ele vai lhe dar fotografias salpicadas de tons vibrantes e saturados. Dê à fotógrafa canadense Jessica Eaton uma câmera 4x5 e ela lhe dará alucinantes fotos psicodélicas. Achamos que é melhor deixar as fotos dela falarem por si, então leia e confira!

As fotografias analógicas da fotógrafa*"Jessica Eaton":http://jessicaeaton.tumblr.com* têm feito rondas no mundo da fotografia, por uma boa razão: elas são testamentos psicodélicos sobre como a luz funciona maravilhosamente. Como todos sabemos, a luz tem um papel fundamental ao tirar fotos, tornando o trabalho de Eaton um exercício de explorar as inúmeras possibilidades na fotografia.

Agora, podemos apresentar a você uma galeria de seus trabalhos selecionados. Leve o seu tempo olhando para eles:

Essas fotos fizeram você quebrar a cabeça por uma explicação de como ela faz essas fotos? Você não está sozinho. Para satisfazer a minha curiosidade, eu fiz algumas pesquisas e de alguma forma “desbloqueei” o seu segredo para transformar a caixa simples abaixo nas fotos psicodélicas acima.

Uma caiza cinza no estúdio de Jessica Eaton. Foto via TIME Lightbox feature

“Todos nós já misturamos duas cores de tinta juntas, e por vezes elas formas outras cores, ou, se você continuar, ela fica barrenta e progressivamente mais escura” Eaton explica na TIME Lightbox feature. Ela continua a explicar como a luz funciona de forma reversa: misturando as cores primárias da luz (vermelho, azul e verde, enquanto as cores primárias dos pigmentos são vermelho, azul e amarelo) gravitam em torno do branco. Eaton então põe esse conceito em prática usando filtros nessas cores e expondo o filme da sua câmera 4×4 múltiplas vezes.

Agora vem a parte mais emocionante do seu trabalho: uma vez que ela está usando filme, ela na verdade não vê ou sabe como suas imagens sairam até que ela revele as fotos. “A cor em si é misturada dentro da câmera”, diz Eaton. Isso não é muito parecido com as surpresas que nós lomógrafos temos com nossas câmeras – só que a de Eaton é talvez cem vezes mais surpreendente!

Eu sugiro que você saiba mais sobre o trabalho de Jessica Eaton e confira a TIME Lightbox feature e seu Tumblr para suas exposições e projetos atuais!

escrito por plasticpopsicle e traduzido por belaf

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro