Você tem uma conta? Login | Você é novo na Lomography? Cadastre-se | Lab | Site atual:

La Sardina em Estereo

Muitas características da La Sardina fazem dela uma ótima escolha para fazer estereografias. Leia mais para descobrir o que eu fiz com a minha La Sardina.

La Sardina é uma câmera super divertida que é excelente para lomografia. Algumas mesmas características que fazem dela uma ótima escolha para lomografia também a torna uma ótima opção para fazer estereografia. A estereografia necessita de duas imagens – uma para o olho esquerdo e uma para o olho direito.

Existem várias maneiras de vê-las e existem programas gratuitos disponíveis, que permitem que você converta duas imagens em estereo em vários tipos de estereografia. Meu programa favorito para essa conversão é o “Stereo Photo Maker” que está disponível aqui em Inglês, Francês, Alemão, e Japonês.

Existem muitas maneiras possíveis de se fazer o par de imagens em estereo. A maneira mais básica é: tirar uma foto, mover a câmera por aproximadamente, a mesma distância entre os dois olhos humanos, então tirar outra foto. Um problema com esse método é que se alguma coisa se mover entre o click das fotos, ela não irá se alinhar corretamente e irá atrapalhar a estereografia.

Outro problema é que a diferença do ângulo em que a fotografia foi tirada vai dificultar o alinhamento das duas fotos. Outra solução é usar uma câmera estereo como a Holga 3D Stereo Pinhole ou várias outras disponíveis. Estas são uma boa solução, mas algumas delas são muito caras e podem ser grandes e pesadas. Muitas câmeras estereo produzem fotos half-frame que não tem a resolução e qualidade de uma foto full-frame.

Eles também produzem imagens com um estreito campo de visão horizontal de uma câmera padrão de 35mm, que quase derrota o propósito de uma câmera estéreo. No entanto, outra solução é fazer ou comprar um suporte de estéreo de montagem que lhe permite montar duas câmaras idênticas em um tripé. Esta é uma boa solução que permite obter grandes imagens em 3D. O problema com esta solução, no entanto, é que é grande e volumoso.

Há outra solução que também pode produzir resultados muito bons, se acontecer de você ter duas câmaras idênticas e estes se encaixarem muito bem. Você pode apenas pregá-las com uma fita adesiva e operar os obturadores simultaneamente. Isso é o que eu fiz com as minhas duas Sardinas:

Eu mencionei anteriormente que a La Sardina tem algumas características que a tornam uma boa câmera para fazer estereografia. Uma é o seu formato. Ela tem bons lados planos que se encaixam um contra o outro. É difícil juntar câmeras que têm os lados arredondados, como a maioria das câmeras possuem. Além disso, quando você juntá-las assim você ainda pode conectar dois flashes como este:

Isso elimina o problema de ter de sincronizar os dois obturadores e um flash. Flashes colocados como este realmente melhoram o efeito 3D quando as imagens são combinadas. Eu também experimentei juntando as La Sardinas assim:

Esse posicionamento ainda permite anexar ambos os flashes, mas torna a montagem mais compacta. Mesmo que este conjunto foi mais fácil de segurar, era mais difícil para disparar as janelas simultaneamente e produziu imagens com um estreito campo de visão horizontal, por isso, acabei preferindo a primeira configuração.

Outro recurso conveniente da La Sardina para fazer estereografia é que ela vem em várias cores. Eu sempre tiro com Cubic à direita e a Domino à esquerda para que eu não fique confuso. Antes de tirar as estereografias eu tiro uma foto dos álbuns sanfonados que vem com cada uma de modo que eu saiba qual filme foi tirado com qual câmera.

Mais algumas características que tornam La Sardina muito conveniente para a estereografia é a lente extremamente grande angular e à grande profundidade de campo, o que significa que tudo está em foco. Isso é importante para criar a ilusão de profundidade onde você quer tirar fotos de coisas de perto e longe.

Essas são as fotos que eu finalizei e depois eu organizei os pares e os processei usando o Stereo Photo Maker:

As imagens seguintes são vermelho / cian. Você vai precisar de um óculos estéreo vermelho / azul para vê-las:

Eu acho que tive resultados decentes, sem muito esforço. Mesmo as estereografias no modo retrato saíram bem, porque a lente extremamente ampla teve um ângulo adequado de visão horizontal mesmo segurando-a lateralmente. Eu poderia ter obtido resultados ainda melhores usando um tripé, cabo disparador, reduzir a desfocagem e fazer o alinhamento de imagens um pouco melhor, mas isso teria derrotado o propósito que era fazer uma leve, compacta e fácil de usar: câmera estereográfica.

No geral, eu fiquei muito feliz com os resultados. O que você achou? Se você tiver duas Sardina você deveria tentar.

escrito por gvelasco e traduzido por mariliabotelho

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro

Ler este artigo em outro idioma

A versão original deste artigo está escrito em:English. Isto também está disponível em:中文(简体版), Deutsch, 中文(繁體版), Türkçe, Italiano, Français, Spanish, 日本語, ภาษาไทย, 한국어 & Nederlands.