Você tem uma conta? Login | Você é novo na Lomography? Cadastre-se | Lab | Site atual:

Um Controle Mínimo Pode Resultar em Grandes Duplas Exposições

A imposição de algum grau de controle pode aumentar a probabilidade de que suas duplas vão sair boas.

Foto por renenob

Dupla exposição é uma das técnicas mais comuns que lomógrafos experimentam. A idéia de duas imagens de dois lugares, a partir de dois pontos diferentes no tempo, em um único quadro é verdadeiramente fascinante, especialmente se as imagens parecem se complementar ou se relacionam entre si de uma forma acidental. No entanto, se depender completamente de julgamento sorte, e erro, as chances de alcançar grandes duplas tornam-se menos prováveis. Então, se você me perguntar, eu acho que a imposição de um controle mínimo em termos de alinhamento dos quadros e escolher o que fotografar aumenta essa probabilidade.

Alinhando Frames

Alinhar os quadros não é um problema para as câmeras que têm um interruptor de Exposição Múltipla, como a LC-A+, Fisheye, e La Sardina, o que você pretende usar. No entanto, se você pretende fotografar um rolo inteiro, retroceder e carregá-lo para outra câmera (como o que fazemos na troca de filme), em seguida, pode marcar os dois primeiros quadros com um marcador permanente para serem usadas como guia quando você carregá-lo para outro câmara. Isso pode garantir que os quadros serão de alguma forma alinhados. De, outros cursos, na verdade preferem que os quadros estejam desalinhados para resultados mais bizarros, mas quanto a minha experiência, quadros desalinhados são muito difíceis de escanear nos laboratórios, às vezes, podem recortar as fotos de um jeito que você não gostaria que fosse.

Escolhendo Temas para Fotografar

Outra forma de controle seria em termos do que fotografar. Isto é apenas baseado na minha experiência em fazer duplas, bem como para apreciar duplas dos outros. E notado que, para a maior parte de boas duplas são aquelas que demonstram o primeiro plano de base / princípio de fundo. Quando eu tiro dois primeiros planos ou dois de fundo, eles normalmente não funcionam. A imposição de algum controle nas suas escolhas, pelo menos para uma das duas camadas de imagens, pode aumentar a possibilidade de conseguir bons duplas. Aqui estão algumas sugestões de fundo para você experimentar:

Formações de nuvens são grandes temas de fundo de duplas, especialmente uma vez que são um pouco escuras e mostram alguns forros de prata.

Árvores, ramos e as folhas também são grandes.

Flores, especialmente quando há um monte delas.

Paredes escuras, coloridas ou com texturas funcionam bem também.

Sombras ou áreas sombreadas (verifiquem se há espaço suficiente para uma outra imagem).

Textos luminosos e coloridos sobre um fundo escuro são uma alegria também.

Light paintings, iluminação gerada do computador ou apresentações de slides coloridos para imitações de um Revolog.

Padrões coloridos escuros e texturas.

Guarda-chuvas debaixo do sol são incríveis também.

As silhuetas são uma obrigação.

Existem outras maneiras de melhorar sua técnica de duplas, mas se você tentar qualquer um desses fundos propostos e emparelhá-los com primeiros planos distinguíveis, metade da batalha estará quase ganha.

escrito por renenob e traduzido por kassiorawr

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro